18 jun 2014
4

Primeiro e eterno amor | Amor-próprio

Lembro que quando era criança minha mãe sempre falava algo assim ” se você não gostar de você e não se achar bonita, ninguém vai” . Com o passar do tempo descobri que isso aí significava ter amor-próprio. Mal sabia eu da importância dele para as nossas vidas.

Já reparou em quantas vezes a gente se sente inferior aos outros? É aquela modelo gata, a atual do seu ex, a sua melhor amiga incrível… Mas será que elas são tão perfeitas assim? Acho que não. Aliás, tenho certeza que não são. Nós é que temos a mania de colocar os outros em um pedestal e acharmos que estamos gordas ou magras demais, com olheiras gigantes, com o cabelo feio e todos os outros defeitos que só a gente vê.

amor-próprio

Quem se ama de verdade é outro nível. Não se importa com o que os outros pensam ou falam a respeito de como é ou como se veste, porque aprendeu a gostar de si do jeitinho que é. Quer um exemplo de pessoa assim? Basta você se lembrar daquelas mulheres que não fazem parte do padrão de beleza imposto pela sociedade, mas que se cuidam, estão sempre alegres e mandam um bejinho no ombro para as possíveis críticas. Afinal de contas, o que adianta querer ser alta, magérrima, de olhos azuis, cabelos lisos, com peito e bundão? Isso é para poucas e nem agrada a todos. Temos que valorizar aquilo que temos de melhor ao invés de buscar ser o que não somos.

Sabe aquela pessoa que não é tão bonita, mas deixa todo mundo encantado? Isso é amor-próprio exalando junto de atitudes legais. O contrário também pode ser visto. Ou você nunca achou alguém bonito e, depois que abriu a boca, ficou com antipatia? Acontece…

Por isso, tente identificar aquilo que mais gosta em você na aparência e em sua personalidade e enfatize todas essas qualidades. Não foque no que não gosta! E lembre-se, amor-próprio deve ser sempre o nosso primeiro e eterno amor.

Deixe o seu comentário!

4 Comentários

  1. Johny Dalamora disse:

    Oi Carol. Achei incrível esse post. Acredite mas veio na hora certa. Parabéns.

  2. isabela disse:

    Maravilhoso Carol!
    reflexivo demais.

    obrigada

DONA ONÇA é um blog pessoal, que fala de assuntos diversos como moda, comportamento, cutura, etc.

Todas as imagens que aparecem no site são de autoria própria, ou reproduções de outros sites e DONA ONÇA não reivindica nenhum crédito para si, a não ser que especificado. Se você (ou sua empresa) possui os direitos de alguma imagem e não quer que ela apareça no DONA ONÇA favor entre em contato e ela será prontamente removida.