10 set 2013
4

Dores musculares: como fazer pra fugir delas?

Uma das maiores reclamações das pessoas ao começar a fazer algum exercício são as famosas dores musculares. Aquela dor que você sente nos músculos 24h ou 48h depois do treino – e por isso é conhecida como “dor do dia seguinte” – tem motivo e principalmente, tem como ser evitada.

Agora você vai aprender como não passar mais por momentos ridículos como não conseguir esfregar o shampoo no banho depois da musculação ou andar como uma senhora reumática no dia seguinte àquela corrida de rua que você foi “só pra ter a camiseta”.

dores musculares

Foto: woman.thenest.com

A causa

Quando treinamos, os músculos sofrem microlesões. Isso é normal. É como se causássemos um estresse na nossa musculatura. Com horas de repouso e alimentação adequada, nós nos recuperamos e passamos a aguentar um pouco mais de carga, pois os músculos passam a se preparar para aquele estresse que você o fez passar.

Para melhorarmos nosso condicionamento, temos que ir aumentando ligeiramente a carga do nosso treino a cada dia. É o tal do “de grão em grão a galinha enche o papo”.

Lembra da dica do professor, de “começar devagar” e ir aumentando a intensidade do treino “aos poucos”? Pois é. Você não seguiu, deu nisso. A dor do dia seguinte aparece após fazermos um treino muito mais intenso do que estamos acostumados.

dores musculares

Ok, a endorfina te deu confiança, você se sentiu bem e exagerou. Compreensível. Mas não é bom fazer isso sempre, pois os músculos podem precisar de até uma semana de repouso pra se recuperar, o que vai impedir você de treinar por uns dias, atrapalhando todo o seu progresso.

Como evitar

Um dos grandes motivos para treinar mais pesado do que nosso corpo está acostumado é a tal da vaidade. Tá, vai… até concordo que tem gente que simplesmente pira na sensação de bem estar que o exercício proporciona e acaba passando dos limites sem querer.

Mas tem muita gente que fica com vergonha de treinar com menos peso do que os outros. Aí a pessoa se mete a aumentar radicalmente os pesos dos exercícios num espaço de tempo muito curto. O resultado disso é uma postura horrorosa (adeus coluna, ombros, joelhos e quadris) e dores musculares.

A melhor maneira de se prevenir a dor do dia seguinte é ter paciência e aumentar aos poucos a intensidade dos seus treinos. Além disso, beber muita água e ter uma alimentação equilibrada tanto nos dias de treino, quanto nos dias de repouso, é fundamental.

colaborador do blog dona onçaConheça o blog do Diego:  saudenarotina.com.br

Deixe o seu comentário!

4 Comentários

  1. Suelen disse:

    ótimas dicas,acho que muitos passam por isso.

DONA ONÇA é um blog pessoal, que fala de assuntos diversos como moda, comportamento, cutura, etc.

Todas as imagens que aparecem no site são de autoria própria, ou reproduções de outros sites e DONA ONÇA não reivindica nenhum crédito para si, a não ser que especificado. Se você (ou sua empresa) possui os direitos de alguma imagem e não quer que ela apareça no DONA ONÇA favor entre em contato e ela será prontamente removida.