30 nov 2012
15

Dicas para quem vai começar a malhar – Parte I

Sempre fui boa de garfo, amo doce e, apesar de inserir itens saudáveis na minha alimentação, como frutas e verduras, nunca fui tão preocupada com isso assim. E continuo não sendo.

Acontece que, mesmo com uma genética boa no sentido de não engordar facilmente, e com uma rotina bem agitada (ando muito, faço atividades ao ar livre, etc) é bom a gente começar a pensar em praticar exercícios. Afinal a gravidade não perdoa e o tempo, também não. Além disso, estava sentindo algumas dores nos joelhos e, após ir ao médico, ele sugeriu que eu praticasse algum exercício para fortalecer a musculatura.

Dicas para quem vai começar a malhar

Tudo isso, aliado à chegada do verão, me fez ter vontade de começar a fazer academia. Para isso é preciso seguir alguns passos. O primeiro foi a escolha do local. Como malhar já é uma coisa meio chatinha, pelo menos para mim, não queria ter que me deslocar para muito longe. Por isso, listei algumas academias próximas à minha casa mesmo.

A segunda coisa foi o apoio dos professores. Em todas os lugares que passei fiz questão de perguntar se eles acompanhavam de perto e se avaliavam a rotina de exercícios com frequência. Pelo que perguntei para os adeptos à academia, não tem coisa mais chata do que ficar com a mesma ficha por muitos meses.

Perguntei ainda sobre os melhores horários. Porque não é nada legal chegar toda empolgada para arrasar na malhação e ela estar lotada, sem um aparelho livre para você usar. Portanto, questione sobre isso! 😉

Outra coisa MUITO importante é a avaliação física. As academias mais confiáveis oferecem uma avaliação antes de você iniciar a malhação. É aconselhável ir ao médico também para saber se está tudo em dia, verificar se a pressão está ok ou se precisa de alguma alimentação ou cuidado especial.

Dicas para quem vai começar a malhar

E a pergunta que não quer calar: “quanto custa essa história toda?“. É importante avaliar se os preços estão de acordo com o seu orçamento, se os pagamentos podem ser mensais, trimestrais, semestrais ou anuais, se há algum desconto na indicação de amigos e parentes, entre outras coisas que possam facilitar e melhorar a sua vida financeira. Quem estiver com uma graninha extra pode até contratar um personal que irá te acompanhar o tempo todo.

Ah, mas tudo isso não vale de nada se você não tiver um objetivo firme em mente seja emagrecer, ficar com o corpo mais firme ou ter uma vida mais ativa. Vale até escolher uma pessoa para se inspirar (desde que esteja dentro de suas possibilidades).

Agora é hora de pensar na roupa! Mas esse é um assunto para outro post. Aguardem! 😉

E aí, mais alguém já está se preparando para o verão? E quem, me dá algumas dicas nesse começo “rumo à academia”? =D

Deixe o seu comentário!

15 Comentários

  1. Paula disse:

    Ei, Carol! Sempre acompanho o seu blog e nunca me manifestei aqui (já te mandei um e-mail uma vez, sobre um blazer branco, conversamos um pouco por lá), bom, mas hoje, você entrou no “meu” mundo, com este tema!
    Tenho 25 anos e malho há 10…gosto, necessito de academia, além de ser muito preocupada com alimentação,dietas etc. Hoje em dia, inclusive, namoro um personal…então, você imagina, né? Infelizmente, não tenho essa sua sorte da genética, mas aconselho todo mundo a malhar! Mesmo as magrinhas, o resultado pode ser muito bom, desde que você tenha foco e determinação. Pra quem não gosta, pode mesmo ser uma coisa chata, mas é preciso encontrar aquilo que você mais gosta ou então pensar nos objetivos e resultados pra gostar daquilo que você tem que fazer.

    Quanto às roupas, não sei como é na sua nova academia, mas, pelo que eu conheço da maioria dos lugares, pode ir se preparando: a moda impera! É quase um desfile…há as tendências, o clássico, o básico, o chique, o “over”…
    Se quiser, podemos conversar mais a respeito!
    Beijão e boa sorte!

    • Blog Dona Onça disse:

      Oi, Paula! Que bom que você resolveu acrescentar mais informações a esse post!=)
      Adorei, obrigada!

      Bom, concordo com tudo, mesmo sendo “inexperiente” ainda rs Também acho que
      devemos encontrar a atividade que mais nos identificamos e seguir firme com
      os nossos objetivos. É isso que nos incentiva a continuar.

      Nossa, já estou empolgada com essa história de roupas,viu? haha Vou pesquisar
      a respeito depois.
      Beijos!

  2. Carla disse:

    Malhar está me fazendo tão bem!!!! Faço Pilates duas vezes por semana,e estou amando!!!! Beijos.

  3. Alinne Andrade disse:

    Carol, malhei uns 3 anos direto no meus vinte e poucos e tive que parar um tempo por problemas de saúde e fiquei 5 anos parada. Passei dos 30, tenho 32 e a gravidade nessa faixa começa a agir. Voltei ano passado, malhei 6 meses, sumi 4 e voltei em setembro e não posso sair mais, tenho que manter tudo em cima e bem firme, rs. Eu gosto muito de fazer musculação e quando vc vê os resultados se empolga! Como tenho probleminhas com a balança, malho pra definir somente.
    Abdominal eu nunca gostei de fazer, tenho uma barriguinha, mas agora me dispus a rasgar um tanquinho, tô morrendo, mas tô fazendo seriamente. Tb tomo BCAA e Whey Protein pra ajudar.
    Quanto à moda na academia… ??? Eu queria entender a meia por cima da calça indo até o joelho ??? Paracendo meião de jogador. É questão de gosto, eu sei, mas não assimilo! Eu sou das básicas, meia soquete, sem estampas nas roupas (se a estampa for bonita, até arrisco), mas uma corzinha pra alegrar tá valendo.

    Não Ri, imprimi uma foto da Sabrina Sato de biquíni e coloquei na porta do meu guarda-roupa pra servir de estímulo pra malhar. Já que temos o mesmo biotipo, fica mais fácil de chegar lá, ou pertinho,rsrsrs.

    Beijos e se joga na malhação.

    • Blog Dona Onça disse:

      Oi, ALINNE! É bom voltar, né? O tempo mostra que corpo
      precisa de uns exercícios hehe Também não gosto
      de abdominal, mas será preciso fazer…

      Quanto à moda, vou ler um pouquinho a respeito. Acho que
      vou ser mais básica também.

      haha eu AINDA não imprimi a foto, mas quero chegar no corpo
      da Rachel Bilson. Tudo lindo, no lugar e definido. E a danadinha
      disse que só faz yoga, acredita? rsrs

      Obrigada pelo incentivo e pelo comentário!

      Super beijo!

  4. Késsia disse:

    Oi Carol,sou adepta a musculação,mas quando não sou 9 sou 99 e isso é um perigo!agora mesmo vai fazer dois meses que não apareço por lá,mas meu corpo já reclama a ausência,gordurinhas indesejas,cansaço fácil…logo determinação e disciplina é o conselho pra quem quer seguir.Aguardo as dicas de looks afinal pretendo voltar em breve e quero arrasar.Abraço adoro seu blog.

  5. Carol, eu odeio academias! Mas é um mal necessário….

    Normalmente algumas oferecem o pacote semestral ou anual, que fica mais barato que pagar mensalidade – desvantagem nesse caso é ter que sair da academia por algum motivo ou faltar várias vezes.

    Outra questão que me desanima na maioria das academias que já fui, é que normalmente precisava tomar banho na academia. Desvantagem: os banheiros estão sempre lotados, não tem espaço para guardar tudo que a gente carrega.

    Fazer academia próximo de casa é sempre uma vantagem. =)

  6. Lety Queiroz disse:

    MALHAR ESTÁ ME FAZENDO MUITO BEM!! AMO……..

  7. Uma coisa importante é treinar com um(a) amigo(a). Mesmo que ninguém tope se matricular na mesma academia que vc, se vc fizer amizade e participar dos eventos, vai encontrar uma energia a mais pra ir mesmo naqueles dias em que a preguiça estiver gigante!

DONA ONÇA é um blog pessoal, que fala de assuntos diversos como moda, comportamento, cutura, etc.

Todas as imagens que aparecem no site são de autoria própria, ou reproduções de outros sites e DONA ONÇA não reivindica nenhum crédito para si, a não ser que especificado. Se você (ou sua empresa) possui os direitos de alguma imagem e não quer que ela apareça no DONA ONÇA favor entre em contato e ela será prontamente removida.