26 jul 2012
8

Estilo Piriguete

Como diria a velha música, a “piriguete” é aquela que usa “Mini-saia rodada, blusa rosinha, Decote enfeitado com monte de purpurina. (…) No inverno essa mina nunca sente frio: Desfila pela night com short curtinho.” Resumindo, o termo é usado para descrever as pessoas que usam roupas curtas, coladas e decotadas, tudo ao mesmo tempo. Quer ser notada pelos atributos físicos e, por isso, nada melhor do que peças chamativas para cumprir o seu objetivo. 

Esse “estilo” voltou à tona por causa da personagem Suelen da Ísis Valverde na novela Avenida Brasil. Na trama a atriz interpreta uma mulher que chama a atenção, é sexy e chega a ultrapassar a linha tênue entre sensualidade e vulgaridade.

estilo piriguete

Isso não é nenhum problema desde que você não queira ser percebida como uma mulher extremamente sexy. Em ambientes formais como trabalho, faculdade e afins, ele não é bem visto, a não ser que você só esteja indo lá para arrumar um namorado. Do contrário, é preciso dosar para “sensuelenzar” sem exageros. 

Vamos às dicas:

– Escolha uma parte para mostrar: decote, pernas ou as curvas por meio de peças justas. Ao usar tudo junto, você mostra demais e acaba perdendo o mistério de “esconder e revelar”;

– Sempre mostre o que você tem de melhor. Nada de colocar a barriga de fora quando ela não está legal. É bem melhor mostrar as pernas lindas que você tem;

estilo piriguete

Mostrou a parte de baixo? Cobriu a de cima!

– Atenção aos acessórios. Se você já está usando uma roupa chamativa, use brincos e colares pequenos. Deixe a roupa reinar sozinha. Já se ela for discreta, aí sim, pode colocar um brincão ou um maxi-colar;

– Decote nas costas é mais discreto, mas tão sexy quanto;

– Você pode dosar a sensualidade ao usar peças que são clássicas ou mais sérias. Por exemplo, colocou uma saia ou short curtos? Então, use uma camisa ou blazer/casaco por cima. Você continua sexy, chamando a atenção, mas sem ficar vulgar;

– A transparência é linda, mas perigosíssima! Usar uma camisa transparente com um sutiã por baixo é ok desde que o corpitcho esteja em dia e a parte de baixo esteja coberta. 

Pronto! Já dá para chamar a atenção na medida certa! 😉

Deixe o seu comentário!

8 Comentários

  1. Caren Sales disse:

    Não gosto de estilo piriguete não!
    Prefiro algo mais formal…
    Ser sensual e sexy mesmo vestida é linda!
    Gosto de quem saber usar a sensualidade ao seu favor.
    A Suellen é um exagero gente! Impossível, não consigo gostar de nada que ela usa!!rs
    É linda… mas muito PIRIGUETE!

    BEIJO CAROL!
    CS

    @BlogCarenSales
    https://www.facebook.com/blogcarensales
    http://blogcarensales.com.br

  2. angelica disse:

    esta bem comentado esse estilo, até na tv tem o concurso da garota piri ahasduiasd
    beijos

    http://www.tracasebaratas.blogspot.com

  3. julia disse:

    adorei, amo esse isyilo piriguete mais temq saber se vestir pra nao siar vulgar

  4. Lou disse:

    Oi Carol, tudo bem?
    Eu não estou conseguindo lhe enviar uma mensagem pelo “contato” do blog, então vai por aqui mesmo!

    Oi Carol, tudo bem?
    Menina, hoje eu fui na Ariana e comprei três anéis! rsrs… Até comentei com ela que a culpa é sua.
    Mas, eu vim falar de outro assunto. Queria lhe agradecer por ter sido tão bacana conosco na sua entrevista para nossa mono, fomos muito elogiadas pelo tema! Queria muito saber seu endereço para enviar uma lembrança de agradecimento! Poderia me passar?

    Obrigada, novamente!

    Lou

    • Blog Dona Onça disse:

      Olá, Lou!
      Tudo bem e com vc?
      Que notícia boa! Fico mto feliz em saber que deu tudo certo.
      E não tinha como ser diferente, já que vocês demonstraram ser
      muito dedicadas.
      Parabéns!!!!
      Não precisa incomodar com lembrança, não!! 😉
      E quanto ao contato do blog, pode me mandar e-mail no blogdonaonca@hotmail.com . Vou ver o
      que houver com o formulário.

      beijo pra vc e pra Gabi!

  5. Yasmin disse:

    Ser Piriguete é muito mais do que está a perigo, é muito mais do que ser sensual, é muito mais do que ser uma mulher fora das normas sociais. Ela é um modelo da modernidade. Trata-se de um produto cultural.
    Ser fácil, disponível, ninfomaníaca, dominada pelo desejo desenfreado é sinônimo de poder, ou seja, uma Piriguete é uma mulher poderosa e sua especialidade é a sedução.
    Para uma mulher da modernidade, o sexo vai além da função reprodutora, sexo é força, riqueza, alegria. Mulheres que se restringe a liberdade espiritual são mulheres da antiguidade, fracas, frágeis, lentas de entendimento, emocionalmente instáveis e hipócritas.
    As Piriguetes são tachadas de ter uma inteligência reduzidas, porem são elas que seguem a risca a teoria de Sigmund Freud, de que o sexo propões uma reavaliação do prazer como função necessária e saudável. Elas seguem à risca a “tecnologia do sexo” de acordo com Foucault, pois elas têm o poder do prazer extraído do próprio saber.
    A denominação “está a perigo” é fruto do medo das “boas” esposas, “boas” mães, das mulheres que se ornamentam com a riqueza de um espirito sossegado gentil. São essas que se sentem ameaçadas pelo poder da sua sedução.
    Piriguetes não é só um shortinho curto e salto escandalosamente alto, elas são mulheres que se veem estimuladas e com o direito de gozar e desfrutar de sua sensualidade por tempo indeterminado.
    Piriquetes podem ser mãe, esposa, cuidar seu lar, ter uma formação, um emprego, ir à academia, ao salão de beleza e curtir um funk, pagode, forró, isso porque elas não somente dançam, elas se divertem ao extremo, sentem as emoções por completo, elas fazem o que lhe faz felizes. Ser piriguete é como todos falam da mulher moderna: tem mil e uma utilidades e podem fazer tudo quase ao mesmo tempo.
    Agora, o que há de estranho numa piriguete? São os saltos altos, as roupas curtas e os cabelos longos? Isso não é estranho, é o diferencial. Estranho, são mulheres que reivindicam por direitos e se mantem com a mesma mentalidade da Idade Media.
    Essas mudanças redefinem o papel social da mulher. A mulher moderna não admite mais a passividade, o escandaloso é o início. As piriguete vieram para ser vista e revolucionar.

  6. Fabio Araujo disse:

    adorei os estilos de roupas que tem nesse blog

DONA ONÇA é um blog pessoal, que fala de assuntos diversos como moda, comportamento, cutura, etc.

Todas as imagens que aparecem no site são de autoria própria, ou reproduções de outros sites e DONA ONÇA não reivindica nenhum crédito para si, a não ser que especificado. Se você (ou sua empresa) possui os direitos de alguma imagem e não quer que ela apareça no DONA ONÇA favor entre em contato e ela será prontamente removida.